Presidente Michel Temer corta verbas do MST e integrantes abandonam o movimento para procurar emprego


O governo do presidente Michel Temer cortou diversos repasses que seriam destinados aos movimentos sociais organizados tidos como braço do PT dentro da estrutura de Governo. O efeito Temer fez surgir um movimento contrário nas entidades ditas defensoras e protetoras dos direitos sociais.

Milhares de membros do Movimento dos Sem Terra deixaram os acampamentos em busca de vagas de emprego nas cidades vizinhas onde os assentamentos estão organizados.

Ao todo são mais de 2 mil integrantes do MST que já se consideram ex-membros e que entraram no programa de recolocação no mercado de trabalho.

Noticias Brasil Online

Compartilhe em seu

Postagens relacionadas

1 De sua opinião, participe!:

De sua opinião, participe!
Anônimo
4 de janeiro de 2017 14:19 delete

Isso é piada...

Reply
avatar

Indentifique-se e não seja vulgar!
Obrigado..