Obra construída pela Odebrecht na Ilha do Fogo em Petrolina e Juazeiro é destaque no Fantástico da Rede Globo - Blog Petrolina em Destaque

17 de abr de 2017

Obra construída pela Odebrecht na Ilha do Fogo em Petrolina e Juazeiro é destaque no Fantástico da Rede Globo


Uma das obras construídas pela Odebrecht, empresa envolvida em grandes esquemas de corrupção no país, o estaleiro da Ilha do Fogo (Foto Acima), foi destaque no Programa Fantástico da Rede Globo, neste domingo, (16).
A estrutura foi construída por iniciativa de Norberto Odebrecht, avô de Marcelo Odebrecht e pai de Emílio Odebrecht, que abriu sua firma individual. A abertura da nova empresa era uma exigência para a continuidade dos negócios, tanto por parte do Banco da Bahia, quanto pelas dificuldades de reestruturação da Emílio Odebrecht & Cia.
Assim, Norberto começou a agir plenamente como empresário, atuando em obras como o Fórum Rui Barbosa, o Hotel da Bahia e muitos outros. Logo vieram as obras que fortaleceram a credibilidade da construtora, que no fim da década de 40 já era uma das mais importantes da Bahia: o Círculo Operário (1946), com cinco mil m2 com lojas, restaurantes e cinema e o Estaleiro Fluvial da Ilha do Fogo, (que já foi a antiga Franave), instalado em 1947, entre as cidades de Juazeiro e Petrolina, no Rio São Francisco, com capacidade para navios de até 1.200 toneladas. Essa obra da região, foi mais uma alicerçada diante desse esquema de lavagem de dinheiro.
A matéria do Fantástico destaca ainda que a empresa impressiona no esquema de propina, tendo uma relação com os delatores da Lava Jato. Para tantas obras, a Odebrecht precisava de um grande financiador: o governo.
A Odebrecht é um império com negócios em 26 países. No Brasil, atua em praticamente todos os estados, em metrôs, rodovias, portos, aeroportos, usinas hidrelétricas e térmicas. Logo, ganhou terreno também lá fora, onde executa ou executou obras em outros países da América Latina, nos Estados Unidos, na Europa, na Ásia e na África. Em Angola, por exemplo, tocou vários projetos estratégicos e conquistou a preferência do governo de lá. Até hoje é a maior empregadora privada daquele país, com 12 mil funcionários.
O grupo tem 72 anos e hoje atua não só na construção civil como mais em outras onze áreas diferentes, incluindo a petroquímica. A Odebrecht foi a empresa que fez a primeira obra da então recém-criada Petrobras, em 1953, no governo de Getúlio Vargas. Era um oleoduto, na Bahia.
Mas a relação da família Odebrecht com obras públicas é bem mais antiga. Vem desde o século 19, quando os primeiros Odebrecht, imigrantes vindos da Alemanha, trabalharam na construção de estradas no sul do Brasil. (Com informações complementares do Fantástico).

Blog Edenevaldo Alves 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Indentifique-se e não seja vulgar!
Obrigado..