Atraso nos salários das ‘sementeiras’ gera discussão na Câmara de Vereador es


Um dos integrantes da bancada de oposição na Casa Plínio Amorim, o vereador Domingos de Cristália (PSL) criticou ontem (11) um suposto atraso no pagamento dos salários das ‘sementeiras’ – as funcionárias que trabalham nas creches do Nova Semente em Petrolina. Num tom duro, Domingos afirmou que essa “não era a realidade” do programa na gestão passada, do ex-prefeito Julio Lossio (PMDB), que sempre pagou em dia as sementeiras.
Mas o governista Ronaldo Cancão (PTB) não gostou e revidou o comentário. Embora tivesse admitido o atraso, Cancão atribuiu os problemas enfrentados pela atual gestão à “herança maldita” do governo anterior. “Não está sendo fácil ter de pagar mais de R$ 150 milhões de dívidas, e ainda ter de administrar o município”, alfinetou.
A Prefeitura de Petrolina, por sua vez, justificou que o atraso só foi apenas de dois a mais do prazo legal de pagamento. De acordo com a administração, o dinheiro já está na conta e até o final do dia de hoje (12) as sementeiras receberão seus salários. O responsável pelo pagamento das funcionários é o Petrape, a exemplo da gestão passada.

Compartilhe em seu

Postagens relacionadas

Indentifique-se e não seja vulgar!
Obrigado..