Call center de Petrolina: Prazo de validade vencendo



Cantado em verso e prosa como um grande gerador de empregos para Petrolina, o serviço de call center continua como sempre esteve: apenas no papel.
O projeto de lei do então prefeito Julio Lossio (PMDB), pedindo autorização para doar o terreno do antigo Colégio Motiva, onde seria construído o call center, foi enviado há cerca de três anos à Casa Plínio Amorim e aprovado pela maioria dos vereadores da época. A empresa A &C chegou a anunciar a instalação de sua unidade em Petrolina, mas a crise política e econômica do país fez o grupo mudar de ideia.
Pelo projeto, se o call center não se instalasse dentro de 36 meses, o terreno voltaria a pertencer ao município. O prazo de validade está vencendo, e até agora nada de call center.


Blog do CarlosBritto

Compartilhe em seu

Postagens relacionadas

Indentifique-se e não seja vulgar!
Obrigado..