Bebês são acomodados em caixas de papelão por falta de berços em maternidade


Um caso vem chocando internautas de todo o Brasil, isto porque alguns bebês tiveram que ser colocados em caixas de papelão por não terem leitos suficientes na maternidade Marlene Teixeira, em Aparecida de Goiânia.
A Secretaria de Saúde do município afirmou que o objeto principal era acolher o paciente e que a maternidade estava atendendo acima da sua capacidade. A instituição possui 13 leitos, mas estava atendendo 30% a mais que o normal, após a redução das unidades que ficam na capital do Estado.
Após a denúncia, três novos berços foram enviados para a maternidade e hospitais privados com parceria com o Sistema Único de Saúde (SUS) devem enviar 150 pacientes por mês, além da unidade receber 10 novos leitos.

Compartilhe em seu

Postagens relacionadas

Indentifique-se e não seja vulgar!
Obrigado..