Associação de Moradores do João de Deus emite nota sobre realização de eventos na Praça da Juventude


A Associação de Moradores do Bairro João de Deus, zona oeste de Petrolina, emitiu uma nota negando estar “mandando e desmandando” na recém-inaugurada Praça da Juventude. Na nota, o presidente da associação, Eugênio Alves, diz que uma igreja evangélica solicitou a quadra poliesportiva para a realização de um evento que duraria três dias, o que foi negado. Os motivos ele explica abaixo:
Acompanhe:
Temos, enquanto instituição comunitária, buscado nos harmonizar com as demais instituições da comunidade, incluindo as igrejas evangélicas e também com a Paróquia.
A quadra poliesportiva da Praça da Juventude está sendo solicitada por uma igreja evangélica para a realização de 03 dias de eventos.
E segue em anexo os motivos de ter sido indeferido pela instituição comunitária e também pela Secretaria de Disciplina Cidadã, antiga Secretaria de Ordem Pública.
01º A quadra poliesportiva da Praça da Juventude tem como finalidade práticas de esportes e lazer, e não podemos privar os praticantes de tais atividades por 03 dias.
02º O próprio requerimento padrão que deve ser preenchido e protocolado na própria Secretaria deixa claro quanto às atividades de igrejas, escolas e postos de saúde que estejam em funcionamento próximo ao local do evento. E se o mesmo não irá interferir no funcionamento dos mesmos, e ate então a igreja católica e outras duas igrejas evangélicas nas proximidades da praça não foram procuradas para saber se as mesmas estão de acordo com tal evento.  
03º O evento solicitado seria realizado nos dias 29,30 de Setembro e dia 01 de Outubro que cai em um Domingo, dia da principal missa na Paróquia São João Batista, que fica a menos de 100 metros do local solicitado.
Por fim, asseguramos que nós agimos literalmente com responsabilidade e respeito para com as pessoas e não agimos de forma autoritária ou arbitrária para beneficiar a quem quer que seja, de forma que só estamos sendo querentes em optar pelo indeferimento de tal solicitação para esse evento, visando proteger o direito dos usuários da quadra, da igreja católica e das outras duas igrejas evangélicas das proximidades que têm o seu direito de congregar nos seus templos. 
Atenciosamente,
Eugênio Alves/Presidente da Associação Comunitária do João de Deus

Compartilhe em seu

Postagens relacionadas

1 De sua opinião, participe!:

De sua opinião, participe!
22 de setembro de 2017 16:42 delete

3 dias sem ser utilizada a quadra por causa desse evento? Pra mim é injusto isso.

Reply
avatar

Indentifique-se e não seja vulgar!
Obrigado..