Gás de cozinha fica mais caro a partir de hoje (26)


Conforme anúncio da Petrobras, a partir desta terça-feira (26), o preço do gás de cozinha vai subir. A nota foi divulgada pelo Grupo Executivo de Mercado e Preços (Gemp) decidiu reajustar em 6,9%, em média, os preços no mercado do gás liquefeito de petróleo (GLP) para uso residencial vendido em botijões de até 13 kg (GLP P-13). A alta é restrita a este produto.
Segundo a companhia, ajuste anunciado foi aplicado sobre os preços praticados sem incidência de tributos . A empresa alegou que a variação de preços do mercado internacional apresentada ao longo de agosto por conta da pressão sobre os baixos estoques foi um dos fatores para o reajuste.
A estatal estima que, se for integralmente repassado aos preços ao consumidor, o preço do botijão de GLP P-13 pode ser reajustado, em média, em 2,6% ou cerca de R$ 1,55 por botijão, isso se forem mantidas as margens de distribuição e de revenda e as alíquotas de tributos.
Sindigás
Em nota, o Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo (Sindigás) informou que o reajuste vai oscilar entre 6,4% e 7,4%, de acordo com o polo de suprimento. A entidade afirma que a correção aplicada não repassa integralmente a variação de preços do mercado internacional.

Compartilhe em seu

Postagens relacionadas

Indentifique-se e não seja vulgar!
Obrigado..