Em Olinda, candidatos do Enem prejudicados por falta de energia em escola poderão refazer as provas


Por meio de nota divulgada nesta segunda (6), o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) afirmou que os candidatos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) prejudicados pela falta de energia elétrica em escola pública, em Olinda, na tarde do domingo (5), poderão refazer as provas do primeiro dia.
O Inep lamentou o ocorrido e informou que as provas de redação, linguagens, códigos e suas tecnologias e de ciências humanas e suas tecnologias serão reaplicadas para esse grupo em 12 de dezembro. O contato será feito por e-mail, SMS e telefone, com todos os candidatos que fizeram as provas na escola.

Compartilhe em seu

Postagens relacionadas

Indentifique-se e não seja vulgar!
Obrigado..