Defesa Civil alerta população sobre falso cadastramento para Operação Pipa em Petrolina - Blog Petrolina em Destaque

24 de jan de 2018

Defesa Civil alerta população sobre falso cadastramento para Operação Pipa em Petrolina



A Defesa Civil de Petrolina emitiu um alerta sobre pessoas que estão se passando por representantes da Operação Pipa, destinada ao abastecimento d’água das comunidades. Conforme o órgão, esses estelionatários dizem ser credenciados e pedem dados pessoais dos moradores. O detalhe é que o cadastramento para atender as famílias beneficiadas pela operação é realizado única e exclusivamente por uma equipe composta por  um representante do 72º Batalhão de Infantaria Motorizado (BIMtz) do Exército e outro da Defesa Civil, devidamente fardados e identificados.

Durante o cadastramento, o contemplado recebe um cartão de recebimento de água, identificando a participação no programa, e que é conferido quando o caminhão-pipa chega para entregar a água. Sendo assim, qualquer outra forma de cadastro não está autorizada e nem possui validade para a Operação Pipa.

Quem for visitado por alguém dizendo que está fazendo este tipo de serviço, deve ficar atento, como explica o agente de Defesa Civil, Welton Aquino. “Orientamos a checar a identificação das equipes. Em caso de dúvidas, não fornecer informações pessoais. Também é importante que as pessoas denunciem essa prática, que pode servir para roubar dados pessoais a serviço de alguma modalidade de golpe“, destaca Aquino.

Denúncias

Qualquer denúncia pode ser feita através do 153, da Guarda Civil Municipal de Petrolina ou ainda através do telefone da Defesa Civil (87) 3983-1773. Este último também serve como contato para que a população possa solicitar a inserção de localidades na Operação Pipa, pedido que ainda pode ser registrado presencialmente de segunda à sexta-feira, das 8h às 12h30, na sede da Secretaria-executiva de Segurança Pública, localizada na avenida Darci Ribeiro, 700, Bairro Maria Auxiliadora, ao lado do Parque Municipal Josepha Coelho, no Centro da cidade. (foto/divulgação)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Indentifique-se e não seja vulgar!
Obrigado..