Empresários se reúnem com Miguel Coelho sobre duplicação da Avenida Sete de Setembro - Blog Petrolina em Destaque

24 de jan de 2018

Empresários se reúnem com Miguel Coelho sobre duplicação da Avenida Sete de Setembro



Numa reunião promovida pelo Sindicato do Comércio Varejista (Sindilojas) e Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Petrolina, o prefeito Miguel Coelho e um grupo de empresários que possuem estabelecimentos comerciais na Avenida Sete de Setembro discutiram detalhes, na noite de ontem (23), acerca da duplicação da via pública – uma das mais movimentadas da cidade. O encontro aconteceu no auditório da CDL, no Bairro Atrás da Banca.

O principal item da pauta foi o impacto da duplicação da avenida, que compreende um trecho da BR-428. A obra já teve início, está orçada em cerca de R$ 7 milhões e deve ser concluída em cinco meses.

“Um projeto deste porte requer um pouco de paciência por parte de todos. Mas todo esforço é válido quando se trata de estimular obras que tragam um incremento positivo na economia e estrutura da cidade. A Sete de Setembro é um exemplo claro da importância destas obras estruturadoras“, destacou o presidente do Sindilojas, Joaquim de Castro.

Para o presidente da CDL Petrolina, Manoel Vilmar, o diálogo entre as instituições é de fundamental importância. “Nós, enquanto entidade representativa, estamos cumprindo o nosso papel de mediar as relações entre os associados e o poder público local. Desta forma, promovendo o debate em torno de assuntos do interesse da classe lojista do nosso município, cumprimos o propósito de promover o desenvolvimento da nossa economia“.

O projeto de duplicação da Sete de Setembro compreende duas fases. A primeira, a construção de duas novas faixas para veículos. Em um segundo momento serão implantados dois viadutos interligando várias áreas da cidade. O local terá ainda uma ciclovia e, futuramente, passará por um projeto arrojado de arborização.

Desgaste

Para o prefeito Miguel Coelho, a obra veio na hora certa. “Nos últimos anos, a frota de veículos praticamente triplicou na cidade e isso trouxe uma série de consequências, como o estrangulamento do trânsito em algumas áreas e horários, além de algumas vias que foram se desgastando de maneira mais rápida. Essa duplicação marca a retomada de grandes projetos para nosso município“, frisou. As informações são da assessoria do Sindilojas. (Foto: Ivaldo Reges/divulgação)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Indentifique-se e não seja vulgar!
Obrigado..

Total de visualizações