Feira de saúde ajuda Prefeitura a investigar casos suspeitos de hanseníase na zona rural de Petrolina


Em Izacolândia, Zona Rural de Petrolina, o domingo (07) foi marcado por uma Feira de Saúde em busca de casos suspeitos para agravos como hanseníase. O evento, promovido pela Secretaria de Saúde de Petrolina, movimentou quase 30 profissionais no local.
Após avaliações dermato-neurológicas, que consistem em uma das formas de identificar casos suspeitos de hanseníase, foram detectadas seis ocorrências e um diagnóstico confirmado. Essas pessoas serão encaminhadas às Unidades de Atenção Básica e ao Serviço de Infectologia de Petrolina para que possam iniciar o tratamento, que é gratuito.
“No trabalho da Vigilância procuramos seguir os protocolos para a identificação de novos casos, sobretudo onde já temos um histórico de ocorrências. Importante ressaltar que a hanseníase tem cura, e que muitas vezes as pessoas não procuram atendimento por conta do preconceito”, explica a secretária executiva de Vigilância em Saúde, Marlene Leandro.
Além da busca ativa para o agravo, a Feira de Saúde contou com atendimento médico, testes rápidos de HIV e Sífilis, vacinação de BCG e ainda vacinação antirrábica canina e felina.
Hanseníase
A hanseníase, antigamente conhecida como lepra, é uma doença infecciosa causada por uma bactéria chamada Mycobacterium leprae ou bacilo de Hansen.

Compartilhe em seu

Postagens relacionadas

Indentifique-se e não seja vulgar!
Obrigado..