Vigilância Sanitária interdita farmácia em Petrolina, que funcionava sem farmacêutico


Uma drogaria localizada no Projeto Senador Nilo Coelho, N-5, em Petrolina (PE), foi interditada pela Vigilância Sanitária nesta semana. O estabelecimento atuava sem farmacêutico, que é necessário durante todo o período de funcionamento da farmácia.
De acordo com o diretor interino do órgão, Marcelo Gama, a drogaria já tinha sido notificada no ano passado e agora só poderá ser reaberta após a contratação do profissional.
“Essa foi mais uma fiscalização de rotina da equipe da Vigilância. Reforçamos a importância dos comércios estarem funcionando de forma legalizada, cumprindo todas as normas e orientações. No ano passado, realizamos diversos seminários, cursos e palestras para orientação, então, agora nosso foco maior será na fiscalização”, frisou.
A farmacêutica da Vigilância, Tainara Melo, explicou a importância da presença do profissional nos estabelecimentos. “Nós somos capacitados para orientar, educar e instruir o paciente/ cliente sobre todos os aspectos relacionados ao uso do medicamento, esclarecendo dúvidas para que o paciente tenha o resultado esperado.  Com isso, torna-se imprescindível a presença de um farmacêutico nas farmácias conforme diz a Lei 13021/2014”, concluiu.

Compartilhe em seu

Postagens relacionadas

Indentifique-se e não seja vulgar!
Obrigado..