Família contesta acusação de estupro e condena agressão de populares em Petrolina - Blog Petrolina em Destaque

5 de mar de 2018

Família contesta acusação de estupro e condena agressão de populares em Petrolina


O homem agredido por populares, no domingo (4), sofreu agressões gratuitas. Em conversa com a equipe do Blog, uma sobrinha do acusado de supostamente ter tentado estuprar duas crianças, no bairro Jardim São Paulo, não cometeu nenhum crime.
A sobrinha preferiu não se identificar, para preservar a família. Em seu relato a nossa equipe, ela nos contou que o tio caminhava pelo bairro quando cumprimentou algumas crianças, as quais estavam brincando próximo ao campo de futebol da comunidade.
O homem foi acusado de tentar cometer estupro contra as crianças e foi agredido pela população. Ele passou a noite no Hospital de Urgência e Traumas (HUT), após sofrer afundamento da face, traumatismo craniano leve e também perdeu dois dentes, em consequência das agressões sofridas.
Inocência comprovada
“Em primeiro lugar, não houve estupro nenhum. Ele sequer chegou perto de alguém. Meu tio é um homem com alguns problemas mentais e gosta de caminhar por Petrolina, faz isso constantemente e diariamente” afirmou a sobrinha da vítima.
O homem agredido pelos moradores tem esquizofrenia e foi acusado por uma moradora, que posteriormente se desculpou com a família da vítima na delegacia, onde foi comprovado a acusação falsa. A família pretende acionar a Justiça, para tomar as providências legais.
A sobrinha relatou ainda que a família está assustada e com medo de sofrer represálias, já que o homem foi acusado de ter cometido um crime e nada foi comprovado. “Ele foi espancado sem nenhum motivo concreto e quem acusou tem que arcar com as consequências” continuou. Blog do Waldiney Passos 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Indentifique-se e não seja vulgar!
Obrigado..

Total de visualizações

Seguidores