Prefeitura de Petrolina reforça combate ao Aedes aegypti com palestras em empresas - Blog Petrolina em Destaque

16 de abr de 2018

Prefeitura de Petrolina reforça combate ao Aedes aegypti com palestras em empresas


Conscientizar a população sobre os perigos que o mosquito Aedes aegypti causa é uma das formas mais eficientes de combatê-lo, e, por isso, a Prefeitura de Petrolina (PE) promove diversas ações educativas junto à comunidade. Um exemplo disso foi a palestra ministrada aos colaboradores da empresa PEPSICO/AMACOCO no bairro João de Deus, zona oeste da cidade.
O setor de Endemias promoveu uma apresentação abordando os principais temas relacionados ao assunto, como identificação dos sintomas das doenças transmitidas pelo Aedes aegypti (dengue, chikungunya e zika), além da prevenção e eliminação de locais propícios à proliferação de larvas. Os agentes de combate às endemias distribuíram panfletos informativos e realizaram vistorias na empresa em busca de focos.
De acordo com a gerente de Endemias, Rânmilla Castro, ações como essa aproximam ainda mais a população do compromisso no combate ao Aedes. “É muito significativo quando empresas, escolas, enfim, locais de grandes públicos se interessam em discutir sobre o Aedes aegypti, porque cada funcionário, cada aluno, cada pessoa se torna um multiplicador de informações e de atitudes conscientes. Devemos lembrar que combater o mosquito é dever de todos”, destaca.
PREVENÇÃO
A melhor forma de se evitar a dengue é combater os focos de acúmulo de água, locais propícios para a criação do mosquito transmissor da doença. Para isso, é importante não acumular água em latas, embalagens, copos plásticos, tampinhas de refrigerantes, pneus velhos, vasinhos de plantas, jarros de flores, garrafas, caixas d´água, tambores, latões, cisternas, sacos plásticos e lixeiras, entre outros.
Denúncias de possíveis focos de mosquito devem ser feitas à Ouvidoria do município, através do número 156 ou do whatsapp (87)9985-0081.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Indentifique-se e não seja vulgar!
Obrigado..