Motoristas de aplicativo estão cobrando preços abusivos no São João de Petrolina, diz leitor - Blog Petrolina em Destaque

19 de jun de 2018

Motoristas de aplicativo estão cobrando preços abusivos no São João de Petrolina, diz leitor




O leitor, Carlos Silva, denúnciou o que ele e os amigos consideram um absurdo e vem acontecendo no São João de Petrolina. Ele cobra fiscallização para o serviço de aplicativo devido o preço considerado abusivo nos dias das festas. Confiram;

" Os motoristas do aplicativo, estão agindo de má-fe, eles vão para o evento, ficão lá próximo, mais estão desativando o serviço pelo aplicativo, levando assim a reduzir a quantidade de carros disponíveis para o valor aumentar.

Essa madrugada de segunda-feira (18) precisei do serviço para retornar, pois estava lá a trabalho e não consegui pedir um Uber pelo aplicativo, em vez disso tive que recorrer aos demais motoristas que nas próximidades do Pátio Ana das Carrancas estavam fazendo corrida por conta própria, cobrando preços exorbitantes.

No aplicativo estavam cobrando antes dos festejos juninos R$ 15,00 reais de Petrolina para Juazeiro e agora cobram entre R$ 60 a R$100,00 uma corrida para Juazeiro. Pedimos providências, diz o leitor Carlos Silva

TAXISTA

O taxista Adailson Almeida também reclamou desta posição de profissionais do Uber. “Motoristas de aplicativo estão trabalhando sem usar a plataforma e fazendo trabalho ilegal na área que foi determinado pela Ampla só para desembarque. Quando o aplicativo chegou em nossa região a garantia era que eles trabalhariam só pela plataforma, mas não é bem isso que está acontecendo.  No São João está uma ‘zona’. Essa prática dos motoristas do aplicativo, nem o próprio aplicativo concorda. Como fica a vida do taxista e moto táxi que pagam seus impostos conforme regem as leis do município? Gostaríamos de saber o que a Ampla tem feito para coibir essa prática? Gostaríamos que ampla se pronunciasse”. 

Um comentário:

  1. Alô blog, fez postagem sobre a uber, faça uma sobre o abuso nos estacionamento do são joão, R$ 20,00 reais por um serviço onde não tem fiscalização nenhuma, absurdo 20,00 reais nem estacionamento em capital.

    ResponderExcluir

Indentifique-se e não seja vulgar!
Obrigado..

Total de visualizações