Petrolina uma das cidades mais violentas de Pernambuco segundo o Atlas da Violência de 2018 - Blog Petrolina em Destaque

17 de jun de 2018

Petrolina uma das cidades mais violentas de Pernambuco segundo o Atlas da Violência de 2018



Um estudo apresentado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP) apontou Petrolina entre as cidades mais violentas de Pernambuco. O Atlas da Violência de 2018 – Políticas Públicas e Retratos dos Municípios Brasileiros relacionou a criminalidade com a ausências de políticas públicas.
Segundo o Atlas, quatro das 10 cidades mais violentas são na Bahia, duas no Rio de Janeiro. Queimados (RJ) tem a pior taxa do país (134,9), seguido de Eunápolis (BA), Simões Filho (BA), Porto Seguro (BA), Lauro de Freitas (BA), Japeri (RJ), Maracanaú (CE), Altamira (PA), Camaçari (BA) e Almirante Tamandaré (PR).
Atlas 2018
A pesquisa mapeou as mortes violentas no país, com cidades cuja população está acima de 100 mil habitantes, com base nos dados do Sistema de Informação sobre Mortalidade do Ministério da Saúde. O mapeamento das mortes violentas foi comparado a dez indicadores sociais, como acesso à educação e renda per capita. O estudo mostra que, quanto melhores são os indicadores, menores são as taxas de violência.
“Fica claro que, com planejamento e políticas focalizadas territorialmente, é possível mudar a realidade dessas comunidades, com grande impacto nas condições de segurança pública das cidades e mesmo do Brasil”, afirma o relatório.
Pernambuco
Cabo de Santo Agostinho, Caruaru, Jaboatão, Camaragibe, Olinda, Recife, Paulista e Petrolina são as cidades com os piores índices no Atlas. O município menos violento do país é Brusque (SC). Confira a seguir os dados em Pernambuco.
Cabo de Santo Agostinho (PE) – 81,4
Caruaru (PE) – 68,2
Jaboatão dos Guararapes (PE) – 64,7
Camaragibe (PE) – 62,5
Olinda (PE) – 60,7
Recife (PE) – 53,1
Paulista (PE) – 50,4
Petrolina (PE) – 40,9

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Indentifique-se e não seja vulgar!
Obrigado..

Total de visualizações