Mãe de Beatriz diz que carro de som foi colocado em frente ao Fórum de Petrolina para “atrapalhar” protesto; fonte do Blog garante que foi para manifestação dos servidores - Blog Petrolina em Destaque

3 de ago de 2018

Mãe de Beatriz diz que carro de som foi colocado em frente ao Fórum de Petrolina para “atrapalhar” protesto; fonte do Blog garante que foi para manifestação dos servidores



A mãe da menina Beatriz Angélica, Lucinha Mota, divulgou uma nota relatando “indignação” com um fato ocorrido durante o protesto realizado pelo grupo ‘Somos todos Beatriz’, ontem (2), em frente ao Fórum Dr. Souza Filho, no Centro de Petrolina. De acordo com Lucinha, um carro de som foi colocado em frente ao Fórum para “atrapalhar” o protesto contra o judiciário.


Acompanhe a nota divulgada por Lucinha:

NOTA DE INDIGNAÇÃO

Em busca de justiça o Grupo “Somos Todos Beatriz” e “Beatriz Clama Por Justiça” realizou no dia 02 de agosto de 2018 um manifesto pacífico para cobrar do poder judiciário uma postura justa em relação ao pedido de prisão preventiva de Allison Henrique de Carvalho Cunha realizado pela Polícia Civil de Pernambuco e ratificado pelo Ministério Público. Durante o manifesto fomos todos surpreendidos por um carro de som, com volume bastante alto prejudicando a nossa ação.

Eu, Lucinha Mota, fui até o motorista do carro pedir para o mesmo DIMINUIR O VOLUME. Ele respondeu que não podia porque estava sendo pago pelo Fórum de Petrolina para trabalhar naquele local. Na minha argumentação disse a ele que a nossa causa era relativa ao caso de Beatriz. Se fosse possível ele dar uma volta no quarteirão ou baixar um pouco mais volume e então ele frisou que estava sendo pago para fazer aquilo. Não podia sair de frente do Fórum. Finalmente, perguntei a ele se o dinheiro valia mais que a vida. E ELE RESPONDEU QUE SIM.

Tudo isso foi testemunhado por várias pessoas que estavam presentes no manifesto.

Essas atitudes nos deixam muito tristes. Continuamos indignados com a postura do poder judiciário e de algumas pessoas ou instituições que lhe representam ou que estejam prestando serviços. Não esperamos justificativas vazias. O que esperamos é eficiência, imparcialidade e celeridade do Poder Judiciário. O que gera a violência é a impunidade. Precisamos sentir firmeza por parte dos promotores da lei.

A justiça é cega (por conveniência), mas a injustiça doe nos nossos olhos.

LUCINHA MOTA, 02 de Agosto de 2018.

Outro lado

Sobre essa denúncia, uma fonte do Blog disse que o carro de som estava no local por causa de um movimento do Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário de Pernambuco (Sindjud-PE), que cobra reposição de perdas inflacionárias de 28,86%. A convocação para o ato, conforme a fonte, foi feita em assembleia, no dia 24/07, onde restaram aprovadas duas paralisações integrais nos dias 31 de julho e 02 de agosto (terça e quinta-feira). (veja aqui a convocação). Fonte Blog do Carlos Britto 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Indentifique-se e não seja vulgar!
Obrigado..

Total de visualizações