Prefeito diz que notícias sobre fim do Berçário I foram disseminadas por pessoas deligadas: 'ficam chateadas' - Blog Petrolina em Destaque

30 de jan de 2019

Prefeito diz que notícias sobre fim do Berçário I foram disseminadas por pessoas deligadas: 'ficam chateadas'






Circula a informação de que o segmento Berçário I do Programa Nova Semente - que atende a crianças de seis meses a 1 ano e meio – será extinto. A informação foi repassada à produção do Nossa Voz por diversas mães que têm filhos matriculados em alguma unidade, como é o caso da Simone Nobre, moradora da Vila Marcela. Ela garantiu que tentou fazer a matrícula do filho e foi informada de que “não haveria mais o Berçário I”. O mesmo foi relatado por mães do Núcleo 5, Zona Rural, e João de Deus.
Especula-se que a mudança faz parte de uma reorganização onde as unidades passarão a oferecer vagas apenas para crianças maiores. Entretanto, o Prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, negou as informações. “Não tenho conhecimento [da informação] até porque o Nova Semente continua nos mesmos moldes do ano passado. O que nós estamos conseguindo fazer é enxugar as despesas”, garantiu, explicando que, no último ano de gestão do ex-prefeito Julio Lóssio, em 2017, o programa teve um gasto de cerca de 80 milhões, segundo Miguel Coelho. Já no ano posterior, na gestão dele, o valor utilizado para atender cerca de sete mil crianças caiu pela metade.
O chefe do executivo chegou a cogitar que os boatos foram disseminados por pessoas que foram demitidas em um pente-fino realizado no ano passado. “Eu sempre disse: o Nova Semente não pode ser visto como cabide de emprego. Muitas dessas denúncias são de pessoas que estão sendo desligadas. Essas pessoas ficam chateadas e eu até entendo porque perder o emprego nunca é fácil. O Programa Nova Semente não é para dar emprego, é para cuidar das crianças que precisam”, finalizou.
A produção do Nossa Voz entrou em contato com a Assessoria de Educação da Prefeitura de Petrolina e aguarda posicionamento da Coordenação do Programa Nova Semente.  Fonte Site da Grande Rio 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Indentifique-se e não seja vulgar!
Obrigado..

Total de visualizações